RPM, a história da banda que mudou o rock nacional.

 RPM, a história da banda que mudou o rock nacional.



O RPM fez tudo de bom que você esperaria de um grupo de rock e também fez muita coisa errada.

As decisões que o transformaram em uma das maiores bandas dos anos 80, com um sucesso sem precedentes até então, moveram as bases do que poderia ser uma das maiores bandas de rock do Brasil.

Embora sejam uma referência dentro da música nacional, seus hiatos, brigas, conflitos de egos, idas e vindas e os poucos trabalhos, fizeram com que a chama acesa em 1985, aos poucos se apagasse.

A chama é mantida pelo carinho dos fãs, Luiz Schiavon certa vez disse que o RPM é como uma entidade, fizeram muitas coisas para que a banda tivesse um fim, mas não conseguiram, “o bicho não morre”.

Na verdade, de 1988 até agora, tem mais decisões ruins do que boas, e mesmo assim o grupo segue em frente, buscando manter seu legado ativo.

Da Beatlemania dos anos 80 e da superexposição, à rejeição do sucesso após a Rádio Pirata de 1986, com um disco (Quatro Coiotes) que, embora seja muito bom, estava fora do padrão dos anteriores.

Negar o uso da música “Partners” como parte da trilha sonora de uma novela global, a decisão de buscar caminhos no mercado em inglês, ao invés de passar pelo mercado latino primeiro, drogas, mudança de atitude e egos muito inflados , levou ao final da primeira fase.

MTV 2002 A Volta do Rock Espetáculo

12 anos se passaram, e em 2001 com a força da MTV e da tv Globo através do Big Brother Brasil, o RPM teve de tudo para recuperar aquele tempo perdido, para voltar a ocupar o lugar da mais importante no rock nacional. A Volta do Rock Espetáculo não durou muito, conflitos sobre os rumos da banda e um novo trabalho que nunca veio à tona, fragmentando a banda em 2 lados e novamente o final.

 Lutas na Justiça por direitos, cruzamento de declarações, ida e volta, e um reencontro na TV (Faustao 2007), que parecia acertar algumas arestas, para gerar um novo encontro. 

E assim surgiram novas histórias, uma nova volta e outro fim na justiça. Hoje em 2021, a banda continua com um novo vocalista e um novo baterista após a morte do saudoso PA, buscando manter seu legado e acender a chama da revolução. 


É por isso que a gente pergunta, seria uma boa história para contar na Netflix? 

Sim, apenas dos primeiros 5 anos puderam ser feitas 2 temporadas, até a rádio pirata e depois de 1987 com as obras RPM Milton e Quatro Coiotes. 

¿Existe um público para essa história? 

Em 2010, a TV Globo contou em pouco mais de 45 minutos a história da primeira etapa do RPM, de 1985 a 1989, no programa por toda a minha vida, foi um recorde de audiência e deu o empurrão final para que em 2011 o RPM voltasse a se reunir.

Hoje uma série desse tipo pode chamar a atenção de pessoas com mais de 35 anos, que são a geração MTV 2002 e os antigos fãs dos anos 80. Também daria um impulso a esta nova etapa da banda, que busca com novas canções manter o legado de uma das maiores bandas que este país já teve.

Assista o programa por Toda a mina vida de 2010.



RPM, a história da banda que mudou o rock nacional.  RPM, a história da banda que mudou o rock nacional. Reviewed by RPM banda on 1:49 AM Rating: 5

Nenhum comentário

Post AD